Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Ouvidoria-Geral da União realiza reunião para propor integração de bases de dados

Notícias

Ouvidoria-Geral da União realiza reunião para propor integração de bases de dados

Ouvidoria e Gestão

Na ocasião, foi apresentado o trabalho de avaliação de políticas públicas e proposta uma portaria que regulamenta o envio de dados para a OGU.
por publicado: 21/06/2016 11h53 última modificação: 22/06/2016 11h38

A Ouvidoria-Geral da União (OGU) realizou, nesta segunda-feira (20), reunião com um grupo de ouvidorias federais. O encontro teve o objetivo de propor modelo de integração das bases de dados que permita às ouvidorias a produção de informações atualizadas sobre o desempenho das políticas públicas e a qualidade dos serviços prestados.

Foram apresentados dados de avaliação cidadã das políticas públicas feitas pela OGU com base nas mais de 40 mil manifestações que hoje compõem a base de dados do e-Ouv. Além disso, foi proposta portaria que regulamenta a forma pela qual as ouvidorias do Poder Executivo Federal não usuárias do sistema e-Ouv deverão enviar à OGU, periodicamente, dados para publicação e acompanhamento das atividades desenvolvidas

Na oportunidade, o ouvidor-geral da União, Gilberto Waller Junior, ressaltou o papel da ouvidoria no auxílio da gestão. “A ouvidoria é um ente importante para melhoria da gestão pública e para repensar a política pública com a visão do cidadão”, destacou.

O ouvidor também afirmou que as ouvidorias públicas não se limitam ao balcão de atendimento. “Elas são o principal instrumento para que o Estado brasileiro possa obter informações sobre eficácia e efetividade de programas e políticas públicas junto ao seu principal destinatário, o cidadão”, pontuou.

Participaram do encontro representantes de ouvidorias que não utilizam o Sistema de Ouvidorias do Poder Executivo Federal (e-Ouv): Banco Central; Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes; Hospitais Universitários Federais; Sistema Único de Saúde; Agência Nacional de Vigilância Sanitária; Agência Nacional de Aviação Civil; Agência Nacional de Telecomunicação; entre outros.

Fonte: ASCOM/MTFC